Enquete
QUAL TIPO DE R┴DIO VOC╩ ESCUTA O CLUBE DO CAIPIR├O?

R┴DIO AM
R┴DIO FM
R┴DIO WEB
OUTROS

 
 

DESTAQUES


Z╔ DA ESTRADA MORRE AOS 87 ANOS

A Música Sertaneja Está de Luto!
Morreu Hoje o Cantor ZÉ DA ESTRADA, da dupla Pedro Bento e Zé da Estrada.
Seu corpo está sendo velado em Riolândia-SP, onde será seputado amanhã por volta das 10 da manhã

Mais uma Grande Perda....

HUSTÓRIA

Joel Antunes Leme (Pedro Bento) nasceu em Porto Feliz/SP, em 08 de junho de 1934, e Waldomiro de Oliveira (Zé da Estrada) nasceu em Botucatu/SP, em 22 de setembro de 1929.
Aos 16 anos, Pedro Bento já havia deixado a sua Porto Feliz e residia em São Paulo. Cantava ao lado de Ludovico Patrignani e eram chamados de Matinho (Pedro Bento) e Matão, com constantes aparições no Programa de Paiozinho e Zé Tapera, "CASA DO FAZENDEIRO". Em virtude de uma excursão de Paiozinho, Matinho ficou com a responsabilidade de assumir o Programa e, então, resolveu procurar um novo parceiro, encontrando-o na pessoa de Waldomiro, que nas horas de folga participava do "Trio Minas Gerais", junto com Sílvio e Machadinho. Waldomiro se apresentava com seus companheiros num programa de calouros chamado "Chico Carretel" quando Matinho o convidou para formar a dupla.
Foi num programa da Rádio Cultura que Paiozinho os batizou de Pedro Bento e Zé da Estrada. Formada a parceria, o que se viu nos primeiros tempos, que compreendam os anos de 1954 a 1955, foi a demonstração de competência e grande futuro da dupla e, assim, o caminhar para a glória. Acompanhados pelo sanfoneiro Coqueirinho. se apresentavam, assiduamente, no Programa "AMANHECER DA MINHA TERRA", da Rádio Bandeirantes, oportunidade em que, influenciados pelo êxito de Miguel Aceves Mejia, introduziram as lendárias canções mexicanas no mercado musical da viola. A novidade lançada por Pedro Bento e Zé da Estrada foi recebida na forma de um gigantesco sucesso. No entanto, só em 1957 é que os maiores representantes da canção rancheira no Brasil conseguem gravar o primeiro disco de 78 rotações, com as músicas "SERESTEIRO DA LUA" e "TAÇA DA DOR". Gravaram um total de 16 discos de 78 rotações. As apresentações da dupla sempre foram precedidas de uma expectativa muito grande. Todos queriam ver de perto aquelas diferentes e luxuosas roupas, os enormes chapelões, a melodia emotiva e apaixonada, a beleza dos rítmos que saiam dos sons estridentes, fatores suficientes para fazer dos dois parceiros os maiores representantes do fabuloso gênero dos "Los Mariachis" no Brasil.
Um dos seus maiores sucessos foi a música "Os TRÊS BOIADEIROS" de Anacleto Rosas Jr, que em 1978 acabou por se transformar em um filme de grande sucesso de bilheteria.
Também em 1967, ficaram em segundo lugar com a música "Mágoa de Boiadeiro", no Festival de Música Sertaneja da Rádio Nacional - hoje Globo.
Desde fevereiro de 1956 quando a dupla se uniu gravaram um total de 16 discos de 78 rpm, 122 LPs e 24 CDs.
(Texto: Sandra Peripato - Recanto Caipira)

Waldomiro de Oliveira (Zé da Estrada)
* 22/09/1929 - Botucatu-SP
+ 05/06/2017 - Riolândia-SP



« voltar
┴rea restrita







Copyright © 2013 Clube do Caipirão todos os direitos reservados